Escola Superior de Educação Politécnico de Coimbra
ESEC Politécnico de Coimbra
A ESEC
Estudar
Investigar / Transferir
Menu secundário
Imagem

Alunos de Teatro e Educação apresentam "Museu de perdidos e achados"

Segunda, 7 Janeiro, 2019

Projeto de Intervenção

3º ano do curso de Teatro e Educação 2018/2019

23 a 26 de janeiro/ 30 e 31 de janeiro/ 1 e 2 de fevereiro 21h30 | Pólo II – ESEC

Museu de Perdidos e Achados

Exposição – Contam-se pelos dedos de uma mão e um do pé

Entrada Livre!

Ficha Técnica e Artística

Texto, Investigação, Espaço cénico e Encenação| Ricardo Correia (Professor responsável da disciplina)  a partir de testemunhos de alunos e professores de Teatro e Educação, funcionários da ESEC, vizinhos do Pólo II e colagem de fragmentos de textos de Anton Tcheckov, Frederico García Lorca, Henrik Ibsen, Samuel Beckett e William Shakespeare.

Interpretação, Investigação e Espaço cénico | Ana Oliveira, Ana Vale, Carolina Ventura, Isamara Coutinho, João Mendes e Luís Costa

Apoio Voz | Cristina Faria

Apoio Movimento | Cristina Leandro

Vitrines, Figurinos e Adereços | Ana Oliveira, Ana Vale, Carolina Ventura, Isamara Coutinho, João Mendes e Luís Costa

Costureira | Fernanda Gonzaga

Luz |Alunos de Técnicas de Cena [Luz] com coordenação do professor Jonathan de Azevedo e do professor Ricardo Correia

Banda Sonora | Ricardo Correia a partir de bandas sonoras de antigos espetáculos do curso de Teatro e Educação

Operação técnica |Mário Canelas e Diogo Simões

Comunicação | Ana Oliveira, Isamara com coordenação de Alda Antunes do  GCRP da ESEC e professor Ricardo Correia

Cartaz | José Pacheco do GCRP da ESEC

Frente de casa | Mariana Rochinha e outros a designar

Fotografia de cena | Carlos Gomes

Produção | ESEC em parceria com Casa da Esquina

Agradecimentos | Casa da Esquina, O Teatrão, Escola da Noite, Carlos Gago, Ilídio Design e professores, funcionários,  alunos e ex-alunos, vizinhos do pólo II que nos deram os seus testemunhos .

Sinopse

Num museu que se pensa abandonado serão levantadas histórias de fantasmas que por lá passaram ao longo de 18 anos. Tudo o que se contará será verdadeiro e de fontes seguras. Numa visita guiada serão dados a conhecer espaços nunca antes vistos e histórias nunca antes ouvidas. Os espetadores serão convidados a levarem um objeto que os ligue a este museu que é o nosso Pólo II, o nosso Curso de Teatro e Educação.

Este projeto de intervenção será construído a partir de testemunhos de alunos, antigos alunos, professores, funcionários que direta ou indiretamente passaram pelo curso de Teatro e Educação ou que de alguma forma privaram com ele, como os vizinhos que rodeiam o polo II da ESEC.

No ano em que o curso atinge a sua maioridade, 18 anos de existência, decidimos criar um espetáculo onde o público é convidado a entrar num museu vivo. Serão descobertos segredos e histórias com muitos pontos e vírgulas.

Este espetáculo, à semelhança do que aconteceu no ano anterior, será apresentado em Coimbra, no polo II da Escola Superior de Educação e é nosso interesse levá-lo às nossas origens e partilhar estas vivências com outros .

A ideia de criar uma digressão do espetáculo, nasceu o ano passado com o projeto Enquanto os Lobos Uivam, encenado por António Fonseca e Pedro Lamas e que com grande êxito foi partilhado por terras portuguesas, numa altura em que o tema da peça era sensível para todos.

Neste novo ano letivo o Projeto de Intervenção seguirá o mesmo rumo, sendo apresentado nas localidades de cada um dos alunos: Braga, Coimbra, Arganil, Condeixa e Nazaré.

Reservas

Entrada gratuita sujeita a reserva.
Lotação de 30 pessoas por espetáculo.
reservas.et.esec@gmail.com
914496599/918231747

‹ Voltar